13
Dez 08
publicado por Simão Martins, às 13:58link do post | comentar

"Francamente, dizer que José Sócrates não foi capaz de prever a dimensão da crise é o mesmo que dizer que ele não foi capaz de fazer melhor que a totalidade dos Prémios Nobel de Economia do planeta, os governadores dos bancos centrais, os gurus da análise de mercados e todos os governantes do mundo, incluindo os da China!

 

(...)

 

Quando, no centro de uma crise económica mundial sem precedentes, o que mais preocupa o maior partido da oposição é acusar o primeiro-ministro de não a ter previsto, de ser culpado dela em Portugal e de não ser suficientemente pessimista, apetece quase dizer, como diriam os 70% de portugueses insatisfeitos com esta democracia: quem tem uma oposição destas, escusa de ir a votos."

 

 

 

p.s: excerto do artigo de Miguel Sousa Tavares no Expresso de 13 de Dezembro. Lá para o meio da semana deixo o link do artigo completo, para quem quiser consultar.


Ler
pesquisar neste blog
 
arquivos
blogs SAPO